Vencedores do Kodansha Manga Awards 2016

Desde 1977, anualmente a editora japonesa Kodansha realiza uma premiação para os melhores mangás serializados no ano anterior. Nele, já foram premiados títulos de peso como Adolf ni Tsugu de Osamu Tezuka (publicado no Brasil pela editora Conrad) em 1986, Parasyte de Hitoshi Iwaaki (publicado no Brasil pela editora JBC) em 1993 e Vagabond (publicado no Brasil pela editora Panini) em 2000.

Esse ano, participaram da banca de seleção Ken Akamatsu (Love Hina), Oh!Great (Tenjoh Tenge), Tochi Ueyama (Cooking Papa), Atsushi Kase (Bakudan! Bakumatsu Danshi), Miyuki Kobayashi (Kitchen no Ohimesama), Yuuji Moritaka (Stripe Blue) e Kazumi Yamashita (Tensai Yanagisawa Kyoju no Seikatsu). Vejam os premiados na continuação da postagem!

Melhor Mangá Shounen

DAYS

NNH DaysSinopse: Dois garotos se conhecem em uma noite de tempestade. Tsukushi, sem qualquer característica que chame a atenção, e Jin, um gênio do futebol. A partir dessa noite, Tsukushi mergulha no mundo dos jogos de futebol entre times de ensino médio.

Gênero: Esporte.

Estado de Publicação: Em andamento, com 16 volumes.

 
 
 
 
 
 

Melhor Mangá Shoujo

Watashi ga Motete Dousunda? (Kiss Him, Not Me!)

NNH Kiss HimSinopse: Kae Serinuma é o que as pessoas normalmente classificariam como “fujoshi”. Quando ela vê dois garotos, sua mente viaja fantasiando sobre eles juntos. Um dia, quando seu personagem de anime favorito morre, o choque faz com que ela entre em depressão e perca todo o excesso de peso que acumulou ao longo dos anos! Graças a isso, os quatro rapazes mais bonitos da escola se apaixonam por ela, mas isso não é exatamente o que ela queria… Para Serinuma, melhor seria se eles namorassem entre si!

Gêneros: Comédia, Romance.

Estado de Publicação: Em andamento, com 8 volumes.

 

 

Melhor Mangá em Geral

Kounodori

NNH KounodoriSinopse: Gravidez não é nenhuma doença, então muitos planos de saúde não cobrem os gastos. Tratamento obstétrico não cuida de ferimentos, por isso a presença de um obstetra nem é obrigatória durante o parto. No entanto, eles são indispensáveis porque existe um número infinito de problemas que podem ocorrer durante uma gravidez. O obstetra Kounotori Sakura, que também é um misterioso pianista, enfrenta os vários desafios e dramas de trazer à vida outros seres humanos.

Gênero: Drama, Seinen.

Estado de Publicação: Em andamento, com 13 volumes.
 
 
 
 

Vale ainda mencionar que Days e Watashi ga Motete Dou Sunda estão com adaptações para anime em produção, e Koudonori ganhou um dorama no fim de 2015.