NNH Recomenda: Série #002 – Contos do Edgar

Com histórias inspiradas pela obra de Edgar Allan Poe que se passam em São Paulo, um homem planeja vingança pelo desaparecimento de sua esposa.

Contos do Edgar é uma minissérie de terror produzida por Fernando Meirelles, escrita por Gabriel Hirschhorn e dirigida por Pedro Morelli, com cinco episódios inicialmente exibidos pela Fox Brasil em 2013 e posteriormente adicionada ao catálogo do site de streaming Netflix.

Cada episódio adapta um conto (ou dois, no caso do último) do autor de ficção norte-americano Edgar Allan Poe. O personagem principal, interpretado por Marcos de Andrade, leva o nome do escritor em cujas obras a série se baseia, Edgar. Ele trabalha na empresa de dedetização Nunca Mais com seu amigo Fortunato (interpretado por Danilo Grangheia), e as suas histórias sempre têm como palco os lugares onde foram fazer trabalhos de dedetização, com desenrolares terríveis e macabros envolvendo as pessoas que conhecem lá.

Por que recomendamos:

Talvez não exista quem, em pleno século XXI, não tenha ouvido o nome de Edgar Allan Poe. Pode ser que você não lembre, mas ele está lá: nas salas de aula, nos cinemas, nas séries de televisão, nos animes, em outros livros, enfim, por todos os lados. Para um autor e sua obra continuarem tão fortes na boca do povo, mesmo depois de tanto tempo e de tantas adaptações, existe um motivo. Há algo que instiga novos fãs e cativa os antigos.

Mas ler um dos contos de Poe pode ser um pouco desafiador para aqueles que ainda não tem algum hábito de leitura, principalmente por causa da linguagem e da caracterização da sociedade do século XIX. Contos do Edgar mata esses dois coelhos de uma cajadada só para quem tem a curiosidade de conhecer um pouco mais desse universo sombrio: ela transporta as histórias para a realidade brasileira dos anos 2000, com pessoas como as que você conversa todos os dias e cenários como aqueles que você vê todos os dias quando sai de casa (se você sair de casa, claro).

Para quem já conhece e gosta dessas histórias, a série também guarda boas surpresas. Além do nome da empresa, os fãs de Poe vão encontrar outras ótimas referências às obras do autor, em meio a uma interessante roupagem nova.

Não deixe decepções passadas com produções nacionais te impedirem de dar uma chance a Contos do Edgar. Ela merece.

Abaixo vocês podem conferir uma lista de episódios e o nome da obra original:

  • 1º Episódio: Berê (inspirado no conto Berenice);
  • 2º Episódio: Priscila (inspirado no conto Metzengerstein);
  • 3º Episódio: Íris (inspirado no conto O coração denunciador);
  • 4º Episódio: Cecília (inspirado no conto A Máscara da Morte Rubra);
  • 5º Episódio: Lenora (inspirado nos contos O Gato Preto e O Barril de Amontillado).
Co-fundador da Não Nasci Herói, principal tradutor, redator de notícias e artigos e produtor e editor do NNHCast. Lá fora advogado, leitor ávido, autointitulado escritor e entusiasta de desenhos japoneses.