Ex-funcionários do Estúdio Ghibli anunciam novo longa animado

Não é Ghibli… mas é quase isso! O Estúdio Ponoc, criado por Yoshiaki Nishimura, anunciou a produção de seu primeiro longa metragem para os cinemas que se chamará “Mary to Majo no Hana” (Mary e a Flor da Bruxa, numa tradução livre).

Segundo o site oficial, a história será baseada no livro infantil The Little Broomstick (aparentemente sem edição brasileira) escrito por Mary Stewart (1916-2014), renomada escritora britânica conhecida principalmente pela série literária Merlin (edição nacional pela Hunter Books). Na Amazon dos Estados Unidos o livro é apresentado com a seguinte sinopse:

O gato preto Tib leva Mary até uma estranha flor no meio da floresta. Pouco depois ela encontra uma pequena vassoura e fica impressionada quando ela começa a se mexer sozinha! Antes mesmo dela recuperar o fôlego, a vassoura está pulando acima da copa das árvores e indo além das nuvens para as terras da Faculdade Endor, um lugar onde uma competente equipe docente de bruxas altamente qualificadas prepara os alunos para as provas. Mas lá ela encontra uma terrível gama de experimentos em transformação… Animais presos em gaiolas totalmente desfigurados e irreconhecíveis. Mary foge de lá na vassoura, só que acaba percebendo que Tib foi capturado! No dia seguinte, ela volta para libertar os animais, mas não sem chamar a atenção da diretora Miss Mumblechook e sua colega Doutora Dee. Agora Mary precisa escapar dessa terrível dupla!

O filme será dirigido por Hiromasa Yonebayashi (O Mundo dos Pequeninos, As Memórias de Marnie), que também assinará o roteiro junto com Riko Sakaguchi (O Conto da Princesa Kaguya). A trilha sonora ficará a cargo de Takatsugu Muramatsu (As Memórias de Marnie) e Yoshiaki Nishimura (O Conto da Princesa Kaguya, As Memórias de Marnie) cuidará da produção no Estúdio Ponoc, criado por ele em 2015 quando deixou o Ghibli.

O filme está previsto para estrear nos cinemas japoneses no Verão de 2017, o que compreende os meses de Julho a Setembro.

Assistam ao seu primeiro PV:

Co-fundador da Não Nasci Herói, principal tradutor, redator de notícias e artigos e produtor e editor do NNHCast. Lá fora advogado, leitor ávido, autointitulado escritor e entusiasta de desenhos japoneses.